Dia mundial da criança

Em Portugal, o Dia Mundial da Criança celebra-se anualmente a 1 de junho. A data é celebrada também em vários países como a China, a Bulgária, o Camboja, o Montenegro e o Equador, mas a data de comemoração difere de país para país. Por exemplo, na Alemanha, a data assinala-se a 20 de setembro, nos países da África Central a 25 de dezembro, na Palestina a 5 de abril e na Noruega a 17 de maio. Apesar da data efetiva de celebração diferir de país para país, o Dia Mundial da Criança é oficialmente celebrado no dia 20 de novembro, data que a ONU reconhece como o Dia Universal das Crianças por ser a data em que foi aprovada a Declaração dos Direitos da Criança, em 1959, e a Convenção dos Direitos da Criança, em 1989.

Em Portugal, o dia é festejado a 1 de junho devido ao facto do mês de maio ser considerado o mês de Maria, mãe de Jesus. Contudo, a 1 de junho de 1950, o Dia da Criança foi comemorado no mundo inteiro. Mais tarde, em 1959, as Nações Unidas aprovaram, a 20 de novembro, a Declaração dos Direitos da Criança, proclamando os direitos das crianças de todo o mundo.

Todos os dias as crianças devem ser o centro das atenções, mas neste dia, em particular, devem receber ainda mais atenção. De forma a celebrar o Dia Mundial da Criança, são organizados diversos eventos e atividades para as crianças neste dia. Em Portugal, o Dia Mundial da Criança contempla atividades como desfiles e visitas escolares, leitura de textos, atividades desportivas, trabalhos manuais, etc.

 

São aqui deixadas oito sugestões para gozar este dia com o seu filho, o seu afilhado, o seu sobrinho, os filhos de amigos e torne-se você também uma criança por alguns momentos:

  1. visitem o jardim zoológico;
  2. realizem uma sessão fotográfica;
  3. almoce num restaurante que a criança goste ou organize um piquenique;
  4. acorde a criança com o pequeno-almoço favorito na cama;
  5. visitem museus;
  6. façam uma caminhada ou andem de bicicleta;
  7. visitem o parque;
  8. vão ao cinema ou fiquem em casa e simule uma ida ao cinema com um filme divertido e pipocas à mistura.

 

Para assinalar de forma especial este dia, divulgamos a história de uma criança que passou pelo processo de transplante renal com a força e a maturidade dignas de um adulto. Hoje, com 16 anos, Bruna Barata recorda todo o processo de descoberta da doença, transplante e recuperação, e conta como foi crescer com a doença renal.

 

Este ano, o tema do Dia Mundial do Rim, comemorado a 10 de março, sob os lemas “Doença renal e as crianças” e “Agir cedo para prevenir”, atribuiu uma especial atenção às crianças com doença renal crónica de todo o mundo e à importância de se começar a prevenir a doença renal e a cuidar dos rins logo desde a infância.

Quem melhor que as crianças para transmitirem uma mensagem? Este ano, para celebrar o Dia Mundial do Rim, o Pelo Rim desenvolveu uma campanha em que as crianças foram as protagonistas. Foram eles: o Daniel com 9 anos, o Duarte com 5 anos, o Gonçalo com 16 anos, o Leonardo com 15 anos, a Margarida com 10 anos, o Pedro com 7 anos, a Rafaela com 11 anos, o Rodrigo com 8 anos e o Sebastião com 10 anos. Ao longo de sete dias, estas crianças  deixaram um conjunto de mensagens e foram um sucesso.

 

Deixamos aqui as frases da campanha no âmbito da doença renal crónica nas crianças:

  • A doença renal crónica nas crianças é rara.
  • A doença renal crónica nas crianças pode ser uma notícia devastadora, sobretudo para a família, mas existe vida para além da doença e estas crianças podem ter vidas normais.
  • O transplante renal é, na maior parte das vezes, a melhor forma de restabelecer a maior normalidade da vida de uma criança com doença renal. Os pais são potenciais dadores.
  • Se tem uma criança com doença renal, procure um grupo ou associação de ajuda. Vai ver que não estão sozinhos no mundo!
  • As capacidades cognitivas não são afetadas pela doença renal.
  • O objetivo de vida de uma criança com doença renal é o mesmo de todas as outras crianças: SER FELIZ! E isso é possível! Basta acreditar.

 

No sentido de cuidar dos seus rins, na campanha do Pelo Rim no Dia Mundial do Rim, as crianças deixaram quatro conselhos a outras crianças:

  1. Bebe 1L de água por dia (é saudável e dá energia!).
  2. Faz xixi pelo menos de 4h em 4h.
  3. Não abuses do sal ou dos doces. Eles prejudicam a tua saúde e podem estragar os teus rins.
  4. Mantém-te ativo: faz exercício físico.

 

Siga as dez recomendações deixadas pelas crianças para os adultos cuidarem da saúde dos seus rins, na campanha do Pelo Rim no Dia Mundial do Rim:

  1. Não se automedique. Esta é uma causa importante de doença renal crónica.
  2. Evite o sal. Este promove a hipertensão arterial e a doença renal.
  3. Controle a diabetes. Esta é uma das causas mais importantes de doença renal.
  4. Mantenha uma alimentação saudável e faça exercício físico, dentro das suas possibilidades.
  5. Em condições normais, a ingestão de 1,5 L é uma quantidade adequada e saudável. Beba água pelos seus rins!
  6. Faça uma alimentação saudável, equilibrada e evite o sal ou outros substitutos do sal, como a ‘flor de sal’. Use as ervas aromáticas no tempero.
  7. Evite a automedicação, em especial os medicamentos que prejudicam o rim como os medicamentos para as dores do grupo dos anti-inflamatórios não esteroides.
  8. Não fume.
  9. Controle o peso.
  10. Pratique exercício físico.

 

Não se esqueçam de cuidar dos vossos rins e dos rins das vossas crianças!
Um dia feliz para todas as crianças!

 

Um dia feliz para o Daniel, o Duarte, o Gonçalo, o Leonardo, a Margarida, o Pedro, a Rafaela, o Rodrigo e o Sebastião que participaram na campanha do Pelo Rim para o Dia Mundial do Rim

 

Veja também: